Os scarpins de Ferragamo são celebrados em selo postal

Os scarpins de Ferragamo são celebrados em selo postal

Os famosos scarpins de Marilyn Monroe são homenageados em selo comemorativo pelo centenário da grife italiana Salvatore Ferragamo.

A marca de moda toscana vestiu verdadeiros ícones de estilo, nos anos cinquenta e sessenta, com seus belos e glamorosos sapatos. Entre esses sapatos, que também foram protagonistas de uma recente exposição no Museu Salvatore Ferragamo, está um modelo feito para a diva Marilyn Monroe. Um par de sapatos vermelho e brilhante, elegante e chique, sonho de consumo de milhões de mulheres em todo o mundo.

O selo em celebração ao centenário do sapato foi emitido em 30 de novembro, com o valor de € 0,95 (noventa e cinco centavos de euros), como um símbolo made in Italy, lembrando uma das estrelas mais belas, fascinantes e misteriosas de todos os tempos.

Na imagem, além dos sapatos vermelhos, aparecem ainda outros elementos: o logotipo de Salvatore Ferragamo, as datas do centenário (1915-2015) e um pêndulo suspenso no arco do sapato para representar estudos que Ferragamo fez sobre a anatomia do pé, fundamental para a construção e ajuste de seus sapatos. Em paralelo a isso, o Museu Salvatore Ferragamo, em Florença, anunciou que se juntou à iniciativa “Museimpresa Verde“, um projeto concebido com o objetivo de criar a primeira rede no mundo de museus de negócio sustentável, que divulgam suas emissões de CO2 e são certificados com o norma internacional ISO 14064, a fim de promover uma cultura de sustentabilidade.

No âmbito deste projeto, Ferragamo sempre demonstrou uma inclinação natural para a sustentabilidade, tanto é que a empresa Salvatore Ferragamo adquiriu o “Relatório de Sustentabilidade” deste o ano de 2014, que é considerado prêmio “Award” na categoria grande empresa, promovido pela BBS.

Nascido em 1898 em Irpinia Bonito, Salvatore Ferragamo emigrou para os Estados Unidos em 1914, onde começou a história de seu sucesso. Em 1923 ele se mudou para Hollywood e ficou conhecido como o sapateiro das estrelas. Em 1927, ele voltou para a Itália e a sede da sua empresa se tornou Florença. Após sua morte em 1960, a empresa continuou a se desenvolver com o compromisso da família Ferragamo, que tem como diretor criativo o estilista Massimiliano Giornetti.

salvatore-ferragano-selo-living-02

Fotos: Reprodução

No Comments

Leave a Comment